Quem sou eu

Minha foto
Alguém que ama a vida e odeia as injustiças

13 abril, 2009


[403332_14.jpg]
UM DIA

Um dia, gastos, voltaremos
A viver livres como os animais
E mesmo tão cansados floriremos
Irmãos vivos do mar e dos pinhais.

O vento levará os mil cansaços
Dos gestos agitados irreais
E há-de voltar aos nosso membros lassos
A leve rapidez dos animais.

Só então poderemos caminhar
Através do mistério que se embala
No verde dos pinhais na voz do mar
E em nós germinará a sua fala.

.
Sophia de Mello Breyner Andresen.
Posted by Picasa

5 comentários:

O Puma disse...

Um dia

pois claro

lá estaremos


mas resistir ao silêncio

é outra fala

Teresa Durães disse...

Sophia de Mello Breyner Andresen...

adoro-a

~pi disse...

um dia

belo como brisa

( clandestina e

secreta,



beijo



~

alice disse...

eternos os poemas de sophia. encontro sempre algo de mim nas suas palavras. quando isso acontece a um leitor, é que há poesia numa palavra. beijinhos :)

gabriela rocha martins disse...

ah, Sophia a DIVA



.
um beijo