Quem sou eu

Minha foto
Alguém que ama a vida e odeia as injustiças

10 novembro, 2008

Novembro

[colagem1.jpg]

NOVEMBRO



Novembro de neblina pingada em manhãs nascidas de azul entristecido. Capa orvalhada cobrindo o sorriso do sol, que em Novembro tremeluz entre os vermelhos esvoaçantes, os verdes secos e as pétalas murchas de seiva. Novembro, frio soprado dos montes despidos em coro silvado de vento.Novembro acenado em pétalas de um crisântemo dourado. Novembro doce de odores liquefeitos em cobres refulgentes. Em Novembro adormeço no berço do tempo frio. Lenta e soluçante a natureza despe-me.No movimento de cada ramo ,as lágrimas -folha caem-me na terra húmida. A vida recolhe-me, hiberno, escondo-me, remanso.

Em Novembro respiro as brumas das manhãs ,e ,suspiro nas tardes mornas, depois sento-me no frio das noites ainda estreladas. Em Novembro amasso a despedida da estação em simples pão de cada dia, branco, leve e macio,que logo parto em metades ainda túberes de calor.Metáfora redonda do saciar da vida.

Em Novembro dispo-me , porém prenhe de amor ,visto-me de Mãe.


.Autumn-Adagio - Antonio Vivaldi
.
Posted by Picasa

7 comentários:

Mar Arável disse...

Apesar do tempo que faz

e das estações do ano

importante é desnudar o corpo

também das palavras

Benó disse...

Bela homenagem a Novembro. As folhas arrancadas, sopradas e batidas pelo vento é, também, um espectáculo que não esqueço.
Que o calor duma mão amiga não falte neste mês deNovembro.

Andrea disse...

Bello.
There's a place in Portugal in which I would like to be in November.
It's a Firelight near Sagres, sometimes I try to imagine how could it be in this season.

Laura disse...

lindo, o teu Novembro...

claras manhãs disse...

Uma maravilhosa descrição de Novembro, o mês que nos faz começar a pensar na vida, para continuar durante Dezembro
Em Janeiro o recomeço

beijinho

Odele Souza disse...

Que texto bonito. Que blog lindo.

Uma boa continuação de Novembro pra ti.

~pi disse...

em novembro pro

curo as noites

nos dias



~