Quem sou eu

Minha foto
Alguém que ama a vida e odeia as injustiças

01 dezembro, 2011

"Toda a poesia - e a canção é uma poesia ajudada - reflete o que a alma não tem. Por isso a canção dos povos tristes é alegre e a canção dos povos alegres é triste."

2 comentários:

Mar Arável disse...

Há quem cante

para se espantar

alice macedo campos disse...

muito bom! obrigada*