Quem sou eu

Minha foto
Alguém que ama a vida e odeia as injustiças

01 novembro, 2007

OUT OF AFRICA




Yet, love, mere love, is beautiful indeed

And worthy of acceptation. Fire is bright,

Let temple burn, or flax; an equal light

Leaps in the flame from cedar-plank or weed:

And love is fire. And when I say at need

I love thee . . . mark! . . . I love thee--in thy sight

I stand transfigured, glorified aright,

With conscience of the new rays that proceed

Out of my face toward thine. There's nothing low

In love, when love the lowest: meanest creatures

Who love God, God accepts while loving so.

And what I feel, across the inferior features

Of what I am, doth flash itself, and show

How that great work of Love enhances Nature's.

- Elizabeth Browning

From: Sonnets from The Portuguese

10 comentários:

Mário Margaride disse...

Querida amiga,

Por falta de tempo. Venho somente deixar um beijinho e uma boa noite

Virei mais tarde comentar como merece, este post.

Maria P. disse...

Fantástico.
Elizabeth Browning que já foi "escolha" também na Casa.

Beijinho e boa noite*

Teresa Durães disse...

umfilme que vi umas 500 vezes

"you want it all", frase que memartela, sou um pouco assim

gabriela r martins disse...

irrepetível!!!!!!

lindo!!!!!!!

addiragram disse...

Poderei continuar a vê-lo...sempre.

Letras de Babel disse...

Está aqui tudo o que pertence ao lado belo das coisas intemporais...



Bjs

Jardineira aprendiz disse...

'mere love, is beautiful indeed'!

un dress disse...

transpirar beleza

respirar amor

...


so beautiful!! :)



beijO

Sky Walker disse...

Dos filmes mais bonitos que já vi. Pela beleza, musica e acima de tudo pela mensagem. Para mim essa relação é um exemplo a seguir por todos. amar sim mas sem sentido de posse e dar a cada um espaço para poder ser ele próprio.
Passei por aqui e gostei.
Beijo

Mateso disse...

Obrigada por terem gostado também.

Beijinhos