Quem sou eu

Minha foto
Alguém que ama a vida e odeia as injustiças

19 setembro, 2007

Sonho



Fiz um conto para me embalar


Fiz com as fadas uma aliança.
A deste conto nunca contar.
Mas como ainda sou criança
Quero a mim própria embalar.




Estavam na praia três donzelas
Como três laranjas num pomar.
Nenhuma sabia para qual delas
Cantava o príncipe do mar.




Rosas fatais, as três donzelas
A mão de espuma as desfolhou.
Nenhum soube para qual delas
O príncipe do mar cantou.


Natália Correia

12 comentários:

Maria P. disse...

A Magnífica!

Beijinho*

addiragram disse...

Curiosamente estive mesmo para "o" publicar à dias! Coincidências...e o maravilhoso quadro de Turner que trago por companhia...mais outra! Um beijinho!

Arion disse...

Tenho andado um bocadinho afastado por razões que deves imaginar, mas estou cá. Beijo!

carteiro disse...

Lindíssimo! Adoro estes contos de fadas e os sonhos que eles proporcionam. E falando em sonhos, a música esté lindamente escolhida :) Assim como a pintura.

un dress disse...

:)liiiiiiiiiiiiiiiiiiindO!!

hora tardia disse...

uma amiga. de longas tert�lias...:)))))



_______________


ol�. voltei. devagar.


/piano.

gabriela r martins disse...

fico a dever.te duas

.

um beijo!

Mateso disse...

Maria p.
E é mesmo o cognome que lhe assenta. Õbrigada
Bj.

adiggram.
Grata pela visita e pelas palavras.
William Turner percursor do impressionismo ,pela luz e cor que conseguiu captar ,é sem dúvida um dos meus pintores preferidos.
Um beijo

Mateso disse...

Perdão é addiragram...

Mateso disse...

arian.
Venhas quando vieres, és sempre bemvindo.
Bj.


Carteiro.
Fico contente por gostares e pelo comentário.

Bj.

Mateso disse...

Un-dress.
Também acho... gosto particularmente deste poema e do Turner.



Hora tardia.
Traumerei...sonata...sonho.. em fá...
Bj.

Mateso disse...

Gabriela martins.
Pois... não creio.. mas enfim.
Um beijo.